Mostrando postagens com marcador WALT WHITMAN. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador WALT WHITMAN. Mostrar todas as postagens

NENHUM ANIMAL É INSATISFEITO - Walt Whitman


 Eu penso que poderia retornar e viver com os animais, tão plácidos e autocontidos; eu paro e me ponho a observá-los longamente.

Eles não se exaurem e gemem sobre a sua condição; eles não se deitam despertos no escuro e choram pelos seus pecados; eles não me deixam nauseado discutindo o seu dever perante Deus.

Nenhum deles é insatisfeito, nenhum enlouquecido pela mania de possuir coisas; nenhum se ajoelha para o outro, nem para os que viveram há milhares de anos; nenhum deles é respeitável ou infeliz em todo o mundo. 
WALT WHITMAN - Estados Unidos
Poeta -  *1819 // +1892
___________________________________


O Cult Carioca precisa de você para continuar.
Basta clicar nos anúncios e dar essa força pra gente. 
Não custa nada.
____________________


__________________


___________________________________________________



Gostou?
Compartilhe, o Cult agradece muito!

MILAGRES – Walt Whitman


Ora, quem acha que um milagre é alguma coisa de especial?
Por mim, de nada sei que não sejam milagres:
ou ande eu pelas ruas de Manhattan,
ou erga a vista sobre os telhados
na direcção do céu,
ou pise com os pés descalços
bem na franja das águas pela praia,
ou fale durante o dia com uma pessoa a quem amo,
ou vá de noite para a cama com uma pessoa a quem
                                                                                     /amo,
ou à mesa tome assento para jantar com os outros,
ou olhe os desconhecidos na carruagem
de frente para mim,
ou siga as abelhas atarefadas
junto à colmeia antes do meio-dia de verão
ou animais pastando na campina
ou passarinhos ou a maravilha dos insectos no ar,
ou a maravilha de um pôr-de-sol
ou das estrelas cintilando tão quietas e brilhantes,
ou o estranho contorno delicado e leve
da lua nova na primavera,
essas e outras coisas, uma e todas
— para mim são milagres,
umas ligadas às outras
ainda que cada uma bem distinta
e no seu próprio lugar.

Cada momento de luz ou de treva
é para mim um milagre,
milagre cada polegada cúbica de espaço,
cada metro quadrado da superfície da terra
por milagre se estende, cada pé
do interior está apinhado de milagres.

O mar é para mim um milagre sem fim:
os peixes nadando, as pedras,
o movimento das ondas,
os navios que vão com homens dentro
— existirão milagres mais estranhos?
_________________________

O Cult Carioca precisa de você para continuar.
Basta clicar nos anúncios e dar essa força pra gente. 
Não custa nada.
____________________


__________________


___________________________________________________



Gostou?
Compartilhe, o Cult agradece muito!

NENHUM ANIMAL É INSATISFEITO – Walt Whitman


Eu penso que poderia retornar e viver com animais, tão plácidos e autocontidos; eu paro e me ponho a observá-los longamente. 

Eles não se exaurem e gemem sobre a sua condição; eles não se deitam despertos no escuro e choram pelos seus pecados; eles não me deixam nauseado discutindo o seu dever perante Deus. 

Nenhum deles é insatisfeito, nenhum enlouquecido pela mania de possuir coisas; nenhum se ajoelha para o outro, nem para os que viveram há milhares de anos; nenhum deles é respeitável ou infeliz em todo o mundo.
Em "Song of Myself".
________________________________


O Cult Carioca precisa de você para continuar.
Basta clicar nos anúncios e dar essa força pra gente. 
Não custa nada.
____________________


__________________


___________________________________________________



Gostou?
Compartilhe, o Cult agradece muito!

EXISTO COMO SOU... - Walt Whitman


Existo como sou,
Isso é o que me basta. 
Se ninguém mais no mundo toma conhecimento,
eu me sento contente;
e se cada um e todos tomam conhecimento,
eu contente me sento.
Existe um mundo que toma conhecimento,
e este é o maior para mim: o mundo de mim mesmo.
Se a mim mesmo eu chegar hoje,
Daqui a dez mil ou dez milhões de anos,
posso alcançá-lo bem disposto
ou posso bem disposto esperar mais.
***
Walt Whitman foi um poeta, ensaísta e jornalista norte-americano, considerado por muitos como o "pai do verso livre". Paulo Leminski o considerava o grande poeta da Revolução americana, como Maiakovsky seria o grande poeta da Revolução russa.
Nasc.: 31 de maio de 1819, West Hills, Nova Iorque, EUA.
Falec.: 26 de março de 1892, Camden, Nova Jersey, EUA.
____________________

CHARLES BUKOWSKI - Pássaro Azul







____________

Clique nos anúncios e ajude a custear o 
Cult Carioca. Não custa nada.
____________________


__________________


___________________________________________________

 Click

TOP 10

FINANCIAMENTO COLETIVO - - AJUDE O CULT CARIOCA A CONTINUAR

FINANCIAMENTO COLETIVO - - AJUDE O CULT CARIOCA A CONTINUAR
CAMPANHA CATARSE / CULT CARIOCA

SIGA O CULT CARIOCA - - - - - - - - - - - SEJA BEM-VINDO!!