AnĂșncio

🙏 A GRATIDÃO ESTÁ DE FÉRIAS – Edmir Silveira

Graças Ă  eleição, 
a famosa đŸ™GratidĂŁo do Facebook deu um descanso.

Os haters nĂŁo tĂȘm exercitado o lado đŸ™GratidĂŁo com tanta freqĂŒĂȘncia. Os mesmo que atĂ© semana passada estavam postando, o dia inteiro, đŸ™GratidĂŁo por alguma coisa, estĂŁo sem tempo porque estĂŁo se xingando e chamando adversĂĄrios polĂ­ticos virtuais pra porrada.

JĂĄ tenho implicĂąncia toda vez que vejo aquela mĂŁozinha finalizando uma postagem.

Começa cedo, às primeiras horas da manhã, com as fotos de nascer de sol e as famigeradas mãozinhas. Alguns ainda complementam com frases originais:
“um novo recomeço”🙏, “uma nova chance”🙏, “uma nova qualquer coisa”🙏...

LĂĄ pelas 6 da tarde, cada pessoa jĂĄ đŸ™gratidĂŁo pelo menos umas 7 vezes. Fico pensando o que tanto esse povo agradece...7, 8, 9 ,10 vezes por dia. Passam o dia postando đŸ™GratidĂŁo...

Me sinto como se sĂł eu estivesse sofrendo as consequĂȘncias do estado de tensĂŁo que estamos passando e, alĂ©m disso, estivesse perdendo alguma coisa... 

Tipo uma festa sensacional que estĂĄ rolando em algum lugar. Com pessoas maravilhosas, em lugares deslumbrantes, com comida orgĂąnica e rejuvenescedora. DĂĄ vontade de perguntar, onde Ă©?

Me pergunto, se esse povo gasta todo seu tempo postando đŸ™GratidĂŁo nas redes sociais, nĂŁo sobra tempo pra mais nada. EntĂŁo, estĂŁo agradecendo o quĂȘ?  SĂł se for o prazer de agradecer a đŸ™gratidĂŁo...

E, de repente, nĂŁo mais que repente, pararam. 

A moda agora é a porrada política virtual, de dois avatares que, na maioria das vezes, nunca se viram, nem verão, sobre alguma coisa que não farå diferença alguma pra ninguém, nem para os envolvidos.

Meio bizarro.

AnĂșncio

Postagens mais visitadas